29
jun
13

Dilma paga o pato

Image

 

Há três semanas atrás Dilma Rousseff tinha uma aprovação recorde e uma reeleição garantida. Depois da onde de manifestações populares, tudo é um incógnita. Não houve nenhum grande escândalo de corrupção (como em 2005), o índice de desemprego não está absurdo (como em 2001), a inflação começa a assustar, mas está muito longe do que foi no final do governo Sarney e Dilma não confiscou as poupanças como Collor.

A revolta popular começou com a tarifa do transporte (responsabilidade dos prefeitos), passou pela repressão policial (responsabilidade dos governadores), desembocou no sentimento de impunidade (responsabilidade do judiciário) e chegou a projetos de lei, como a PEC-37 (responsabilidade do congresso). Sem contar nos gastos para a Copa do Mundo, onde novamente é responsabilidade dos Governos Estaduais, que fizeram empréstimos do BNDES (federal) para reformar e criar estádios, sendo que muitos vão para a iniciativa privada (Maracanã e Mineirão, por exemplo).

A tendência é que a movimentação popular vá se acalmando e que Dilma chegue à Copa com uma aprovação na casa dos 50% (se não acontecer nada de extraordinário), quando deve enfrentar mais uma série de manifestações, perdendo popularidade às vésperas da eleição.

O brasileiro vota em candidato e não no partido, apesar do PT ter um eleitorado cativo e uma rejeição também cativa. Mesmo assim, dado este cenário, Lula deve retornar como o salvador da pátria e ser candidato à Presidência em 2014.

Governos estaduais e Congresso também devem passar por mudanças, já que o problema não é a Dilma e sim o sistema político atual, no qual a população não se sente representada. Vamos ver se a Reforma Política sai ou não sai e, se acontecer, como vai ser implantada.

Anúncios

0 Responses to “Dilma paga o pato”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


Marcos André Andrade

Jornalista formado, ou deformado. Escritor frustrado. Boêmio. Amante de MPB e futebol. Adora fazer piadas ridículas. Sofro com uma Variação Constante de Humor.

Pra não se perder

junho 2013
S T Q Q S S D
« jun   ago »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930

O que eu estou falando


%d blogueiros gostam disto: